Os deputados federais oriundos de São Bernardo tiveram opiniões opostas nessa importante votação.

Alex Manente (Cidadania) votou contra o valor de 2 bilhões de reais para o fundo eleitoral e apoiou o destaque proposto pelo Partido Novo de redução para R$ 1.3 bilhão.

Já o deputado Vicentinho (PT) votou a favor do projeto e ajudou na aprovação do valor oriundo dos cofres públicos para financiar as campanhas municipais.

Com isso, o valor de R$ 2 bilhões para o fundo eleitoral das próximas eleições municipais foi aprovado na Câmara dos Deputados na noite de ontem (17).

Dos 409 deputados presentes na sessão, 242 foram favoráveis ao valor de R$ 2 bilhões para o fundo. Os outros 167 deputados votaram para diminuir esse montante para R$ 1.3 bilhão, mas não foi suficiente.

A matéria tem uma grande importância na vida da população porque altera o orçamento público. Ou seja, quanto maior o valor disponível para o fundo eleitoral, menor a verba disponível para outras áreas, como saúde e educação.

Vale lembrar que o fundo eleitoral aprovado para 2020 é maior que o autorizado nas eleições presidenciais de 2018, que foi de R$ 1.7 bilhão.