A aparência é frágil e a voz soa tênue, às vezes quase inaudível. Mas que ninguém duvide da força da sancaetanense Luiza Peinado Campoi, 103 anos, que recebeu alta quarta-feira (12/5), após 15 dias internada com a covid-19 no Hospital de Campanha de São Caetano do Sul. “Saúde vale mais do que tudo. Quem não fica doente é que não sabe”, ensina dona Luiza, que já se encontra de volta, recuperada, ao Lar Nossa Senhora das Mercedes.