SÃO BERNARDO É MELHOR CIDADE PARA SE INVESTIR NA REGIÃO METROPOLITANA, APONTA ESTUDO , TV São Bernardo - Notícias de São Bernardo do Campo - TVSBC
SÃO BERNARDO É MELHOR CIDADE PARA SE INVESTIR NA REGIÃO METROPOLITANA, APONTA ESTUDO , TV São Bernardo - Notícias de São Bernardo do Campo - TVSBC clique aqui e ouça a matéria

Dados são do Índice de Concorrência dos Municípios, do Ministério da Economia, que avalia ambiente de negócios no País 

Levantamento do governo federal aponta São Bernardo como a melhor cidade para se investir em toda a Região Metropolitana de São Paulo (RMSP). Os dados divulgados na última semana se referem ao Índice de Concorrência dos Municípios (ICM) 2022, do Ministério da Economia, que avalia o ambiente de negócios no País, colocando sob análise 119 cidades brasileiras com mais de 250 mil habitantes. São Bernardo obteve pontuação geral de 553,85, alcançada devido a políticas para criação de ecossistema gerador de novas oportunidades. 

O resultado dá a São Bernardo o posto de segunda colocada no Estado, à frente de São Paulo (532,58) e de municípios como Campinas (461,62), Barueri (442,67), Guarulhos (495,54), Osasco (433,12), São José dos Campos (489,67), Indaiatuba (407,13), Santo André (510,32) e Santos (479,14), ficando atrás apenas de Sorocaba (571,43). Entre as capitais, a cidade supera no ranking a pontuação, por exemplo, de Rio de Janeiro (466,18), Vitória (510,77), Salvador (543,91), Goiânia (553,67), Natal (551,36) e Aracaju (549,85). 

“É um reconhecimento importante do trabalho que temos realizado na cidade desde 2017, quando assumimos a Prefeitura. São Bernardo tem se destacado, principalmente, pelo ambiente propício para abertura de novos negócios, de forma simples e ágil, incluindo neste aspecto a desburocratização de processos, sem aumento de tributos no período e fomento ao empreendedorismo, cenário esse que se traduz em saldo positivo todos os meses na geração de emprego e renda”, pontuou o prefeito Orlando Morando. 

O índice do Ministério da Economia, por meio da Secretaria de Acompanhamento Econômico (Seae), leva em consideração metodologia com indicadores estatísticos e mais de 600 questões técnicas divididas em tópicos, envolvendo os temas centrais de infraestrutura, empreendedorismo, construindo no município, qualidade da regulação urbanística, liberdade econômica, concorrência em serviços públicos, segurança jurídica, tributação e contratação com o poder público. Em oito dos nove itens, São Bernardo fica bem acima da média nacional, o que inclui infraestrutura (71,2 ante 51,9), segurança jurídica (54,4 contra 43,5) e concorrência em serviços (70,5 ante 62,4). 

EMPREGO – Com perspectivas favoráveis para a atividade econômica e à abertura de novas empresas, São Bernardo registrou no acumulado de 2022 saldo positivo de 16.892 empregos com carteira assinada, segundo o Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). No cômputo de dezembro de 2021 a novembro do ano passado (últimos 12 meses do balanço), a cidade contabilizou saldo de 15.081 novos postos de trabalho 

Comente

Seu email não irá ser publicado Preencha os campos marcados com *.

Skip to content