SÃO BERNARDO DESOBRIGA USO DE MÁSCARAS EM LOCAIS ABERTOS E DE CONSUMO IMEDIATO DE ALIMENTOS
SÃO BERNARDO DESOBRIGA USO DE MÁSCARAS EM LOCAIS ABERTOS E DE CONSUMO IMEDIATO DE ALIMENTOS clique aqui e ouça a matéria

Medida passa a valer a partir desta sexta-feira (11/3); uso da máscara segue sendo obrigatório em escolas e demais locais fechados

Após reunião do Comitê de Combate ao Coronavírus, realizada nesta quinta-feira (10/3), São Bernardo decidiu liberar a partir de amanhã (11/3) o uso de máscaras em locais abertos, além de ambientes de consumo imediato de alimentos e bebidas, como restaurantes, bares, padarias e buffets – com exceção dos funcionários destes locais. Nos demais ambientes fechados, como comércios, transporte público, igrejas e academias, o uso de máscaras continua obrigatório. A medida será publicada no jornal Notícias do Município desta sexta-feira.

As unidades escolares municipais, estaduais e privadas também deverão manter o uso de máscaras em todos os ambientes, incluindo pátios e outras áreas descobertas. Já em condomínios, os moradores terão autonomia para flexibilizar o uso de máscaras, por meio de assembleias e seguindo os regimentos internos. As medidas terão validade de uma semana, como forma de mensurar os impactos nos índices de contaminação, podendo ser reavaliada após este período.

“A queda nos índices de contaminação e internação nos dá a segurança de avançar nas flexibilizações. Decidimos acompanhar a decisão do Governo do Estado e ampliar a liberação para outros locais em que, na prática, o uso de máscara já não acontece, por razões óbvias, como para consumir alimentos e bebidas. Estamos desobrigando o uso, mas cada pessoa tem o direto e liberdade para continuar usando em todos os locais que achar necessário e seguro”, explicou o prefeito Orlando Morando.

AVANÇO DA VACINAÇÃO – A decisão tomou como base o avanço da vacinação da população contra a Covid-19 e a queda de casos confirmados. Até o momento, foram aplicadas 1.808.880 doses na cidade, o que representa cobertura vacinal de 100% da população adulta com pelo menos uma dose e 96% com a segunda dose e 67% com a dose de reforço. Entre as crianças, de 5 a 11 anos, 57.814 já receberam a primeira dose e 15.393 as duas doses, o que representa 82% e 22% deste público alvo. Entre adolescentes (12 a 17 anos), a cobertura é de 97% para primeira dose e de 90% para a segunda dose.

Os casos confirmados na cidade, por sua vez, vêm caindo de forma drástica desde janeiro, quando a cidade registrou 18.437 casos. Em fevereiro, o número caiu para 2.112 e, em março, já são 55 casos confirmados até o momento.

Tagged: ,

Comente

Seu email não irá ser publicado Preencha os campos marcados com *.

Skip to content